Luciano Huck tentou virar enredo de escola de samba, diz coluna

Grupo Especial - Rio Mangueira Salgueiro
Romulo Tesi
Escrito por Romulo Tesi

O apresentador Luciano Huck quer ser enredo de Carnaval em 2018, segundo a coluna Radar On-Line, da revista Veja.

De acordo com a publicação, Huck tentou cavar uma homenagem para si em duas escolas.

Leia também:
TESTE: Desfile sobre o Molejão? Descubra se esses enredos passaram pela Sapucaí

Uma delas foi o Salgueiro, em que o artista teria oferecido R$ 6 milhões. A escola não aceitou. O Sal deve anunciar o enredo nos próximos dias e, pelas mensagens da agremiação no Facebook, não tem nada a ver com Huck (veja aqui).

Mais: ouça aqui o samba para o virtual desfile sobre Luciano Huck

A outra escola seria a Mangueira. Lá, a ideia teria sido vetada pelo carnavalesco Leandro Vieira. (Nota do blog: 2018 tem os 110 anos de Cartola, é bom dizer)

Huck se defendeu dizendo à Veja que teve seu nome usado por um compositor, que entrou em contato com as escolas. O apresentador negou que tenha oferecido dinheiro.

O Setor 1 apurou junto a uma fonte que mais duas escolas foram cogitadas: Portela e União da Ilha. As duas recusaram.

Resta saber se o apresentador desistiu da ideia de vez ou ainda vai tentar virar tema de desfile em outras agremiações do Rio, ou até em São Paulo. Vale lembrar que Huck vem sendo cogitado para entrar na política.

Sobre o autor

Romulo Tesi

Romulo Tesi

Jornalista carioca, criado na Penha, residente em São Paulo desde 2009 e pai da Malu. Nasci meses antes do Bumbum Paticumbum Prugurundum imperiano de Aluisio Machado, Beto Sem Braço e Rosa Magalhães, em um dia de Vasco x Flamengo, num hospital das Cinco Bocas de Olaria, pertinho da Rua Bariri e a uma caminhada do Cacique de Ramos, do outro lado da linha do trem. Por aí virei gente. E aqui é o meu, o nosso espaço para falar de samba e Carnaval.

Comentários

Deixe o seu comentário