Portela ganha dois reforços para a comissão de Carnaval

Grupo Especial - Rio Portela

Marco Aurélio Fernandes, Claudinho Portela, Fábio Pavão e Jr. Schall (da esq. p/ a dir.) – Foto: Raphael Perucci/Divulgação

A Portela acertou com dois reforços para a sua comissão de Carnaval: Marco Aurélio Fernandes, o Marquinhos, e Jr. Schall são os novos integrantes do time, que já conta com Fábio Pavão e Claudinho Portela. A primeira reunião do grupo com o presidente Luis Carlos Magalhães aconteceu na última quarta-feira (26), no barracão da escola.

“O Marquinhos já faz parte da Portela como um dos nossos representantes na Liesa. Ele também já atuou nessa função, dentro da comissão em outra época. Agora ele retorna trazendo sua experiência. O Schall também é um profissional qualificado, que já foi campeão e tem passagem por várias escolas. Ele chega à Portela para somar à nossa comissão”, disse Fábio Pavão, que também é o presidente do Conselho Deliberativo da agremiação.

Leia também:
Corte de verba ameaça realização de ensaios técnicos
Mangueira anuncia enredo-resposta a Crivella e manda o povo brincar Carnaval sem dinheiro
Carnavalesco explica recusa de enredo sobre Huck: fora do ‘padrão Mangueira’
Vereador diz que Carnaval é culto a orixás com dinheiro público e fonte de lucro para tráfico e prostituição
Carnaval SP: Doria sinaliza redução de verba da prefeitura, mas garante recursos
Presidente de escola se desculpa por ter apoiado Crivella nas eleições
Site fala em ‘profecia’ feita por cantora gospel: ‘Carnaval vai falir’
Alcione: ‘nesse país os caras roubam na Petrobras e a culpa é do samba’
Secretário de Crivella sugere corte de 100% da verba para escolas e critica Paes
Portela espera conseguir R$ 2 milhões via Lei Rouanet
‘Os desfiles das escolas de samba ficaram caretas’, diz carnavalesco da Mangueira

“Fico muito feliz em poder trabalhar com o presidente Luis Carlos, Fábio Pavão, Jr. Schall e Claudinho. Encaro como um novo desafio na minha vida. Mesmo estando há muito tempo no Carnaval, acho que é sempre bom dar uma oxigenada, trabalhar com novas pessoas. É muito bom estar numa escola campeã. Nosso trabalho agora é em busca do bicampeonato”, declarou Marquinhos.

“É um desafio enorme chegar na Portela. Agradeço a oportunidade de poder trabalhar numa escola com a tradição e a força da Portela. É muito bom também poder voltar a trabalhar com a professora Rosa Magalhães, com quem aprendi muito na Vila Isabel”, afirmou Schall.

“O Marquinhos e o Schall são pessoas que já conheço há bastante tempo. São profissionais que conhecem Carnaval e que certamente chegam para somar com a nossa escola”, comemorou Claudinho.

A Portela será a segunda escola a desfilar na segunda-feira de Carnaval, com o enredo “De Repente de Lá Pra Cá e Dirrepente de Cá Pra Lá…”, sobre os judeus que fugiram da Europa no século 17, que passaram pelo Brasil e ajudaram a formar a cidade de Nova York, nos EUA.

 

Sobre o autor

Romulo Tesi

Romulo Tesi

Jornalista carioca, criado na Penha, residente em São Paulo desde 2009 e pai da Malu. Nasci meses antes do Bumbum Paticumbum Prugurundum imperiano de Aluisio Machado, Beto Sem Braço e Rosa Magalhães, em um dia de Vasco x Flamengo, num hospital das Cinco Bocas de Olaria, pertinho da Rua Bariri e a uma caminhada do Cacique de Ramos, do outro lado da linha do trem. Por aí virei gente. E aqui é o meu, o nosso espaço para falar de samba e Carnaval.

Deixe o seu comentário