Setor 1

Beija-Flor estuda enredo sobre Juazeiro do Norte

Beija-Flor 2019 – Dhavid Normando/Riotur

A Beija-Flor pode falar de Juazeiro do Norte (CE) em 2020. Representantes da escola estiveram reunidos na manhã desta sexta-feira, 22, na cidade com o prefeito José Arnon Cruz Bezerra de Menezes, e o secretário de Turismo e Romaria, José Bezerra Feitosa Junior, para tratar da possibilidade de um desfile sobre o município no próximo Carnaval.

“Seria uma grande vitrine para as pessoas conhecerem Juazeiro do Norte além da parte da religiosa, alem do Padre Cícero. Queremos mostrar nossa cultura, nossa música, nosso artesanato e outros atrativos. Espero que a gente consiga avançar nesse projeto”, disse Feitosa Junior ao Setor 1.

Segundo o secretário, a Beija-Flor já procurou autoridades de Juazeiro para fazer um enredo sobre a cidade do Cariri há quase 10 anos, e que nos últimos oito meses os contatos entre as partes se intensificaram. Já houve, afirma Feitosa, um encontro da escola com o governador do Ceará, Camilo Santana.

A cidade comemora no próximo dia 24 os 175 do Padre Cícero e os 50 anos da inauguração da estátua do líder religioso.

Patrocínio

Ainda não está definido se haveria investimento público – da prefeitura ou do governo estadual – no desfile. De acordo com Feitosa, a possibilidade existe, mas a princípio a ideia inicial é conseguir patrocínio de empresas do município, via Lei Rouanet.

Bizunga

O enredo teria como um dos protagonistas uma espécie de beija-flor típico do Cariri, conhecido localmente como bizunga.

Leia também:
Alexandre Louzada volta à Beija-Flor para trabalho solo
Beija-Flor 70 anos: teste seus conhecimentos sobre a Deusa da Passarela
Tuiuti lembra ‘Temer vampiro’ após prisão do ex-presidente

Goiás

Esta é a segunda possibilidade de enredo da Beija-Flor para 2020. Recentemente, o governador de Goiás, Ronaldo Caiado, publicou nas redes sociais imagens de uma reunião que teve com representantes da escola, para um desfile sobre o estado, e que tivesse a poetisa Cora Coralina como fio condutor.

Romulo Tesi

Romulo Tesi

Romulo Tesi Jornalista carioca, criado na Penha, residente em São Paulo desde 2009 e pai da Malu. Nasci meses antes do Bumbum Paticumbum Prugurundum imperiano de Aluisio Machado, Beto Sem Braço e Rosa Magalhães, em um dia de Vasco x Flamengo, num hospital das Cinco Bocas de Olaria, pertinho da Rua Bariri e a uma caminhada do Cacique de Ramos, do outro lado da linha do trem. Por aí virei gente. E aqui é o meu, o nosso espaço para falar de samba e Carnaval.

Adicionar comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Romulo Tesi

Romulo Tesi

Romulo Tesi Jornalista carioca, criado na Penha, residente em São Paulo desde 2009 e pai da Malu. Nasci meses antes do Bumbum Paticumbum Prugurundum imperiano de Aluisio Machado, Beto Sem Braço e Rosa Magalhães, em um dia de Vasco x Flamengo, num hospital das Cinco Bocas de Olaria, pertinho da Rua Bariri e a uma caminhada do Cacique de Ramos, do outro lado da linha do trem. Por aí virei gente. E aqui é o meu, o nosso espaço para falar de samba e Carnaval.

Carnaval 2020 | FALTAM

Mais Categorias