Home » Marcelo Adnet vira carnavalesco de escola botafoguense

Marcelo Adnet vira carnavalesco de escola botafoguense

Ricardo Hessez e Marcelo Adnet com a bandeira da Botafogo Samba Clube – Divulgação

O humorista, ator e compositor – para ficar só em algumas atividades – Marcelo Adnet arrumou outra posição para jogar agora: carnavalesco.

A escola Botafogo Samba Clube, do Grupo Especial da Intendente Magalhães (equivalente à terceira divisão do Carnaval carioca) terá seu desfile desenvolvido pelo humorista em dupla com o artista Ricardo Hessez, assistente do elogiado Jorge Silveira (ex-São Clemente, atual Dragões da Real).

A escola é conhecida de Adnet: ele foi um dos autores do samba da agremiação no Carnaval 2020, quando o enredo foi a também alvinegra Beth Carvalho. A vitória foi a segunda no mesmo ano: Adnet também assina o samba campeão da São Clemente do último Carnaval, com o enredo “O conto do vigário”.

“Eu amei a experiência como compositor, fiz vários amigos, conheci muitas pessoas e puder ver um pouco como funciona uma escola de samba. É tudo movido a muita paixão e o suor. Aceitei o desafio porque eu sei que tenho dedicação, vontade e garra para oferecer. Agora estou numa função nova, de desenvolver uma ideia de enredo e tentar transpor isso para uma linguagem carnavalesca. Terei o Ricardo Hessez ao meu lado, que é uma pessoa que conheci na São Clemente, é um jovem talentoso e com ideias muito boas. Chego no terreno do samba pisando com muito respeito, humildade e tranquilidade. Acredito que o trabalho com dedicação acaba dando certo”, disse Adnet, em declaração divulgada pela escola.

Ouça o samba da Botafogo Samba Clube de 2020:

Hessez também faz sua estreia como carnavalesco, mas conhece bem o universo dos barracões: trabalhou no desfile vice-campeão da Viradouro na Série A de 2017 e foi assitente de Silveira nos últimos três carnavais pela São Clemente, no Grupo Especial.

“Será um desafio prazeroso. Nesses anos em que estive trabalhando com o Jorge (Silveira), adquiri bastante experiência no carnaval, fazendo as fantasias e as alegorias. Então, tenho essa vivência no processo de criação, assim como no enredo. No último carnaval, tive a oportunidade de assinar junto dele e arrecadamos alguns prêmios. É uma oportunidade muito legal de fazer carnaval com o Marcelo Adnet, que foi um dos autores do samba da São Clemente, e isso, de certa forma, é uma parceria que se prolonga. Espero chegar no carnaval com uma assinatura que seja reconhecível e tenho certeza que teremos um belo trabalho na avenida”, declarou Hessez.

Romulo Tesi

Romulo Tesi Jornalista carioca, criado na Penha, residente em São Paulo desde 2009 e pai da Malu. Nasci meses antes do Bumbum Paticumbum Prugurundum imperiano de Aluisio Machado, Beto Sem Braço e Rosa Magalhães, em um dia de Vasco x Flamengo, num hospital das Cinco Bocas de Olaria, pertinho da Rua Bariri e a uma caminhada do Cacique de Ramos, do outro lado da linha do trem. Por aí virei gente. E aqui é o meu, o nosso espaço para falar de samba e Carnaval.

Adicionar comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.