Home » Ônibus da Unidos de Padre Miguel tomba e deixa feridos; ritmista fraturou a clavícula

Ônibus da Unidos de Padre Miguel tomba e deixa feridos; ritmista fraturou a clavícula

Ônibus da Unidos de Padre Miguel tombado na Avenida Brasil
Ônibus da Unidos de Padre Miguel tombado na Avenida Brasil – Reprodução/Redes Sociais

Membros da escola de samba Unidos de Padre Miguel, do grupo de acesso do Rio de Janeiro, ficaram feridos após o ônibus que transportava o grupo se envolver em um acidente e tombar no trecho de Bonsucesso da Avenida Brasil, na Zona Norte do Rio, na noite deste domingo (24).

Segundo informações da escola, das 40 pessoas que estavam no ônibus, 19 foram encaminhadas para hospitais da região. “As demais foram atendidas pelo Corpo de Bombeiros, Samu e por ambulâncias de unidades de saúde particulares, avaliadas e liberadas”, diz a nota.

Ainda de acordo com a assessoria da agremiação, apenas uma pessoa, a ritmista Célia Almeida, segue internada no Hospital Municipal Evandro Freire, na Ilha do Governador. Célia fraturou a clavícula e passará por uma cirurgia.

O veículo foi fechado por um caminhão e acabou batendo em uma mureta da via ao tentar desviar, ocasionando na queda do ônibus, segundo a escola de samba. Os ritmistas e membros da escola retornavam de uma apresentação na Acadêmicos do Cubango, em Niterói. As informações são da BandNews FM Rio.

De acordo com os Bombeiros, cinco integrantes foram encaminhados a hospitais, mas apenas um segue hospitalizado com dores na vista, aguardando o atendimento de um oftalmologista.

A pista central da via ficou interditada até às 5h desta segunda-feira (26), quando o ônibus foi reerguido e rebocado por guinchos.

“Além de prestar total atendimento logo após o acidente, a Unidos de Padre Miguel enviou diretores para acompanhar de perto a situação dos feridos nos hospitais da Região. A agremiação também providenciou diversos carros por aplicativo para que os integrantes liberados pela equipe médica retornassem para suas casas em segurança. Agora, a escola está disponibilizando em sua quadra, insumos para curativos como algodão, gaze, ataduras, esparadrapo entre outros itens que forem necessários”, informa a agremiação.

Solidariedade após acidente com a Unidos de Padre Miguel

Em comunicado, a Unidos de Padre Miguel agradeceu pelas mensagens de apoio enviadas pelas outras escolas de samba.

“Agradecemos a preocupação e o carinho de todos vocês!!”, publicou a agremiação no Instagram.

A Cubango, que havia recebido a Unidos de Padre Miguel, publicou uma nota de apoio e informou que a presidente da escola, Patrícia Cunha, dirigiu-se ao local para prestar ajuda.

“Toda nossa diretoria e componentes se solidarizam com os ritmistas da nossa coirmã, GRES Unidos de Padre Miguel, que infelizmente sofreram um acidente na noite deste domingo, ao retornarem de uma apresentação em nossa quadra. Nossa presidente Patrícia Cunha se dirigiu até o local do incidente para prestar toda ajuda necessária. Estaremos rezando e desejando pronto restabelecimento a todos!”, publicou a Cubango na Instagram.

Romulo Tesi

Romulo Tesi Jornalista carioca, criado na Penha, residente em São Paulo desde 2009 e pai da Malu. Nasci meses antes do Bumbum Paticumbum Prugurundum imperiano de Aluisio Machado, Beto Sem Braço e Rosa Magalhães, em um dia de Vasco x Flamengo, num hospital das Cinco Bocas de Olaria, pertinho da Rua Bariri e a uma caminhada do Cacique de Ramos, do outro lado da linha do trem. Por aí virei gente. E aqui é o meu, o nosso espaço para falar de samba e Carnaval.

Adicionar comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.