Home » Lei Rouanet: Patrocínio da Crefisa à Mancha Verde para o Carnaval 2020 se aproxima dos R$ 4 milhões

Lei Rouanet: Patrocínio da Crefisa à Mancha Verde para o Carnaval 2020 se aproxima dos R$ 4 milhões

Integrantes da Mancha Verde comemoram título de 2019 com troféu – Luiz Cláudio Barbosa/Código19/Estadão Conteúdo

O patrocínio da Crefisa à Mancha Verde via Lei Rouanet, para o Carnaval 2020, se aproximou dos R$ 4 milhões. Caiu na última segunda-feira, 16, mais uma parcela do apoio financeiro, de R$ 660.569. Com isso, o total repassado pela financeira à escola de samba para o próximo desfile atingiu R$ 3.980.569 dos R$ 4.030.569 aprovados pela Secretaria Especial da Cultura.

Os pagamentos foram feitos em seis partes, e começaram em julho deste ano.

A escola palmeirense, atual campeã do Carnaval de São Paulo, já vem inclusive gastando o dinheiro desde agosto deste ano, conforme a prestação de contas disponível no site da Secretaria da Cultura.

Parceria do Palmeiras, a Crefisa é responsável, de longe, pelo maior patrocínio a uma escola de samba em todo o Brasil via Lei de Incentivo à Cultura – mecanismo federal de fomento do setor por meio de renúncia fiscal. Em 2019, a financeira garantiu R$ 3,4 milhões à agremiação palmeirense.

Apresentação da Mancha Verde no lançamento do CD de 2020 – Romulo Tesi/Band

A título de comparação, a escola que obteve o maior volume captado via Lei Rouanet depois da Mancha Verde, em 2019, foi a poderosa Grande Rio, de Duque de Caxias (RJ), com R$ 1,5 milhão. Em 2020, a agremiação fluminense ainda não captou verba dos R$ 3.992.638 aprovados.

Os patrocínios da Crefisa à Mancha Verde já aconteceram em outros Carnavais. Em 2018, por exemplo, o valor do repasse foi mais “modesto”: R$ 2,3 milhões. No ano anterior, primeira vez do apoio via o mecanismo federal, o valor foi de R$ 1,3 milhão.

Leia também:
Mancha Verde rebatiza quadra com nomes de Leila Pereira e do marido, proprietários da Crefisa
Vote! Qual é o melhor samba do Grupo Especial do Rio de 2020?
Alunos da UFRJ criam álbum de figurinhas do Carnaval do Rio

Escola de samba da Mooca lembra mortes de Paraisópolis
Com Elza Soares, pai de santo e volta de Jesus Cristo, Carnaval 2020 será marcado pela crítica social; conheça os enredos

Seca

Várias escolas de samba dos grupos especiais de Rio de Janeiro e São Paulo tiveram projetos aprovados na Lei Rouanet para 2020, mas somente a Mancha Verde conseguiu captar verba – pelo menos até a publicação deste texto, de acordo com as informações disponibilizadas pela secretaria.

Grande Rio 2019 – Richard Santos/Riotur

No Rio, há agremiações liberadas para conseguir patrocínios até maiores que o da Mancha, algumas com valores próximos do teto de R$ 6 milhões – caso da Mocidade Independente de Padre Miguel. Em um ano sem subvenção municipal, e ainda sem a garantia total da ajuda do governo estadual, o dinheiro da Lei Rouanet pode fazer a diferença.

Na contramão do Rio, cuja prefeitura chegou a suspender todos os pagamentos devido à grave crise no município, São Paulo aumentou a subvenção em cerca de 8% este ano.

Romulo Tesi

Romulo Tesi Jornalista carioca, criado na Penha, residente em São Paulo desde 2009 e pai da Malu. Nasci meses antes do Bumbum Paticumbum Prugurundum imperiano de Aluisio Machado, Beto Sem Braço e Rosa Magalhães, em um dia de Vasco x Flamengo, num hospital das Cinco Bocas de Olaria, pertinho da Rua Bariri e a uma caminhada do Cacique de Ramos, do outro lado da linha do trem. Por aí virei gente. E aqui é o meu, o nosso espaço para falar de samba e Carnaval.

Adicionar comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.