Home » Possível acerto de Laíla com Unidos da Tijuca causa surpresa

Possível acerto de Laíla com Unidos da Tijuca causa surpresa

Laíla e Neguinho da Beija-Flor comemoram título – Fábio Motta/Estadão Conteúdo

A notícia do acerto de Laíla com a Unidos da Tijuca, publicada nas redes sociais do site Carnavalesco, pegou muita gente de surpresa. Não é para menos.

O diretor de Carnaval e o presidente da escola, Fernando Horta, trocaram mais que simples farpas recentemente. O dirigente ex-Beija-Flor, em 2016, denunciou um suposto esquema de favorecimento à agremiação tijucana. Em resposta, Horta chamou Laíla de “caduco” e entrou com um processo na Justiça contra o profissional. A Mangueira foi a campeã naquele ano.

No mesmo ano, Laíla, produtor do CD com os sambas-enredo, não participou da gravação da faixa da Tijuca.

Há sempre espaço para o perdão, mas o clima entre os dois não é nada bom. Procurados por SRZD e Sambarazzo, ambos negaram o acerto.

O que o blog sabe é que Laíla não chega a ser uma unanimidade na Harmonia tijucana, e há integrantes do segmento que não gostaram na ideia.

Se acontecer, a contratação significaria um retorno, já que Laíla teve uma breve passagem pela escola no início da década de 80.

Fernando Horta, presidente da Unidos da Tijuca – Foto: Facebook Fernando Horta

Romulo Tesi

Romulo Tesi Jornalista carioca, criado na Penha, residente em São Paulo desde 2009 e pai da Malu. Nasci meses antes do Bumbum Paticumbum Prugurundum imperiano de Aluisio Machado, Beto Sem Braço e Rosa Magalhães, em um dia de Vasco x Flamengo, num hospital das Cinco Bocas de Olaria, pertinho da Rua Bariri e a uma caminhada do Cacique de Ramos, do outro lado da linha do trem. Por aí virei gente. E aqui é o meu, o nosso espaço para falar de samba e Carnaval.

Adicionar comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.