Home » Rosa Magalhães volta à Imperatriz com enredo sobre Arlindo Rodrigues

Rosa Magalhães volta à Imperatriz com enredo sobre Arlindo Rodrigues

Arlindo Rodrigues – Reprodução

Depois de fazer o enredo sobre Fernando Pamplona em 2015, na São Clemente, Rosa Magalhães voltará a homenagear um dos grandes carnavalescos da história dos desfiles no próximo Carnaval (ainda sem data para acontecer). De volta à Imperatriz Leopoldinense, a Professora vai desenvolver o desfile sobre Arlindo Rodrigues, oito vezes campeão, sendo duas com a escola de Ramos (1980-81) – mais cinco no Salgueiro e uma na Mocidade Independente de Padre Miguel.

O enredo foi batizado como “Meninos eu vivi… Onde canta o sabiá, onde cantam Dalva e Lamartine”, com menções aos carnavais assinados por Arlindo, incluindo o último, justamente na Imperatriz, em 1987, “Estrela Dalva”.

O carnavalesco, famoso pelo seu estilo barroco, morreu no mesmo ano, deixando muitos discípulos no Carnaval e influências vistas até hoje.

Arlindo e Rosa são “filhos” do mesmo “pai” carnavalesco, Fernando Pamplona, e agora os dois se encontrarão no desfile da Imperatriz. Figurinista e cenógrafo, Arlindo fez parte da equipe de Pamplona que revolucionou o Carnaval nos anos 1960 e 70.

A Imperatriz é a atual campeã da Série A, e está de volta ao Grupo Especial após passagem de apenas um ano no acesso. Este ano, a escola faturou o título com uma reedição, de 1981, com enredo sobre Lamartine Babo, o mesmo da conquista de Arlindo com a agremiação de Ramos.

Romulo Tesi

Romulo Tesi Jornalista carioca, criado na Penha, residente em São Paulo desde 2009 e pai da Malu. Nasci meses antes do Bumbum Paticumbum Prugurundum imperiano de Aluisio Machado, Beto Sem Braço e Rosa Magalhães, em um dia de Vasco x Flamengo, num hospital das Cinco Bocas de Olaria, pertinho da Rua Bariri e a uma caminhada do Cacique de Ramos, do outro lado da linha do trem. Por aí virei gente. E aqui é o meu, o nosso espaço para falar de samba e Carnaval.

Adicionar comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.